O presidente do Sindeac, Paulo Roberto da Silva, recebeu na tarde dessa quarta-feira, 16/12, a visita do gari Flávio da Silva Oliveira, 35 anos e associado do sindicato há vários anos.

Flávio teve a moto que usava para trabalhar roubada no dia 9 de dezembro, enquanto recebia atendimento médico no Hospital Semper. Ele foi ao local depois de sofrer uma queda. Agora, machucado e sem o meio de transporte, o coletor iniciou uma campanha, pela internet, para tentar reavê-la ou adquirir outra.

Flávio conta que a moto é seu veículo de trabalho e que ela o ajudou bastante. “Quando eu não tinha moto eu pegava dois ônibus para ir trabalhar, a moto facilitou a minha vida”, disse.

Sensibilizado com a situação do trabalhador, o SINDEAC engrossou a campanha e, pelas mãos do presidente Paulo Roberto da Silva, repassou uma ajuda financeira ao coletor. E toda a equipe do sindicato engrossa o coro para que o gari consiga ter seu veículo o mais rápido possível.

 

O Sindeac é assim: sindicato cidadão, ético, solidário, combativo e inovador